Natura On Line

domingo, 5 de outubro de 2008

E se Deus fosse um de nós


Por Rafael Brito


Estudo para Célula – 04/10/08
(Grupo de Jovens da Terceira Igreja Batista de BH)


Joan Osborne - What If God Was One Of Us

If God had a name what would it be?
And would you call it to his face?
If you were faced with him In all his glory
What would you ask if you had just one question?
And yeah, yeah,
God is greatYeah, yeah,
God is goodYeah, yeah, yeah-yeah-yeah
What if God was one of us?
Just a slob like one of us
Just a stranger on the bus
Trying to make his way homeIf
God had a face what would it look like?
And would you want to see
If seeing meant that you would have to believe in things like heaven and in Jesus and the saintsand all the prophets
Trying to make his way home
Back up to heaven all alone
Nobody calling on the phone'cept for the Pope maybe in Rome
Just trying to make his way home
Like a holy rolling stone
Back up to heaven all alone
Just trying to make his way home
Nobody calling on the phone'cept for the Pope maybe in Rome

Tradução

Se Deus tivesse um nome, qual seria?
E você o ligaria ao seu rosto?
Se você encontrasse com ele em toda a sua glória
O que você perguntaria, se você pudesse fazer apenas uma pergunta?
Sim, sim, sim, Deus é maravilhoso
Sim, sim, sim, Deus é bom
Sim, sim, sim....E se Deus fosse um de nós?
Apenas um preguiçoso como nós
Apenas um estranho no ônibus
Tentando voltar para casa?
Se Deus tivesse um rosto, como seria?
E você gostaria de vê-lo, se
Você tivesse que acreditar em coisas como paraíso
E em Jesus e os Santos e em todos os profetas?
Tentando voltar para casa
Voltar pro céu completamente sozinho
Ninguém chamando ao telefone
Exceto pelo papa talvez em Roma
simplesmente tentando voltar para casa
Como uma santa pedra rolando
Voltar pro céu completamente sozinho
Simplesmente tentando voltar para casa
Ninguém chamando ao telefone
Exceto pelo papa talvez em Roma

“Pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou ser igual a Deus, antes, se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz. Pelo que também Deus o exaltou sobremaneira e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra.” Filipenses 2:6-8

Perguntas

1. Pensando na primeira estrofe da música, você já parou para imaginar com seria a “aparência” de Deus? Como você o imagina? Você o reconheceria se o visse na rua?
2. O que o texto de Filipenses nos diz a respeito da forma de Deus? (Tente estabelecer um paralelo com a idéia de deus da segunda estrofe da canção)
3. Se Deus fosse como o deus sugerido na canção, qual seria a diferença entre Ele e o Deus do texto de Filipenses?
4. A autora faz um paralelo entre o que nós somos e o que Deus é. Que tipo de pessoa a canção diz que nós somos?
5. Você gostaria de ver Deus se “tivesse que acreditar em coisas como o paraíso, e em Jesus e os santos e em todos os profetas”?


Para refletir mais um pouquinho:
6. E se você também pudesse fazer uma única pergunta para Deus, qual seria?