segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Entre a cruz e a caldeirinha

Para Carol


Parece que nossa vida se resume em decisões: as que acertamos ou erramos, as que tomamos ou deixamos tomar. De um jeito ou de outro colhemos as consequências: boas ou ruins. Algumas vezes sofremos, outras fazemos os outros sofrerem. Então, parodiando Hamlet: fazer ou não fazer, eis a questão? Se faço sofro, não faço, sofro também.

Qual é a medida? Como chegar ao resultado certo, ou pelo menos, mais certo?

Meu pensamento se volta para a Palavra de Deus(a Bíblia) que serve de padrão para as nossas atitudes. Por mais sem saída que seja o caminho, o Senhor sempre tem para nós algo que toca o nosso coração. O salmo 119.105 diz: lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho e mais no mesmo sl no verso 130, a entrada das tuas palavras dá luz, dá entendimento aos símplices. Você pode dizer, eu não consigo achar conforto nem entendimento nisso. Isso parece um sonho para mim!

Então qual é o segredo? A própria Palavra responde: fé. É preciso fé, pois sem fé não podemos alcançar o coração de Deus e Ele também não nos pode alcançar. Eu preciso crer que Deus me ouve e tem a resposta certa para cada angústia e que pode transformar a tristeza em alegria. Fé especialmente para saber que Ele me ama e jamais me abandonará.

Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.

Atos 5:.29 parte b